Meditation Talks Serie A 2005 – “Libertação do Ego”

Meditatio Talks SERIES A 2005 Jan –Mar 
LAURENCE FREEMAN OSB

Libertação do Ego

Meditação é sobre liberdade. A liberdade dos filhos de Deus. O que acontece na meditação é que você se desprende do seu ego e torna a se reconectar com seu verdadeiro eu. É por isso que meditação é tem mais haver com relacionamento e não com isolamento, não é sobre fuga. É, antes de mais nada, sobre ter um relacionamento saudável e verdadeiro consigo mesmo. Que, afinal, é a base do nosso relacionamento com as outras pessoas.

Na meditação, nós nos afastamos da auto fixação, auto consciência, auto obsessão e entramos numa nova liberdade de espírito. Uma pessoa ficionada por sí mesma não pode amar. Uma pessoa egoísta não pode ser feliz. Há um belo texto budista que resume o Budismo Mahayana: diz que “Toda a infelicidade do mundo vem de pessoas que estão tentando encontrar a felicidade para sí mesmas. Toda a felicidade do mundo vem de pessoas que estão tentando fazer outras pessoas felizes”. Isso é muito fiel ao evangelho. Isso é o que significa abandonar a si mesmos – encontrar a felicidade, libertando-nos de nosso ego, e nos movendo para aquele grande relacionamento que é Deus.

Como podemos fazer isso na meditação? Através da simplicidade. Nós paramos de pensar sobre nós mesmos. Tiramos os holofotes da consciência de sobre nós mesmos. Claro, eu disse simples, não fácil. Não é fácil parar de pensar sobre si mesmo, porque estamos muito aprisionados em nós mesmos. Mas na meditação nós revertemos esse processo. Nós quebramos esse hábito da mente. Nós tentamos algo diferente. Nós paramos de pensar em nós mesmos e nossa atenção se move para um lugar mais profundo e puro, um lugar mais calmo, um lugar mais consciente, à medida que avançamos em direção à mente de Cristo. Agora, isso não significa que estamos pensando sobre Deus, ou pensando sobre Cristo. Na meditação nós não estamos pensando sobre Deus, mas estamos prestando atenção a Deus. Mas também não estamos prestando atenção a Deus como um objeto ou pensamento. Quando dizemos que estamos prestando atenção à Deus , nos realmente estamos querendo dizer o que Jesus diz, que estamos amando a Deus com todo nosso ser, de toda nossa mente, com toda nossa força. Isso é uma distinção muito importante se você quer entender o que está fazendo quando medita. Meditação não é sobre pensamento.

Outro ensinamento fundamental de Jesus é encontrado nessa frase dele: “Ninguém pode ser meu seguidor a menos que renuncie tudo que possui”. O que isso quer dizer? Se isso significa que todos nós teremos que renunciar nossas carteiras e cartões de crédito, carros, casas, roupas, então provavelmente nós não vamos ser capazes de seguir esse ensinamento. Sou muito ligado ao meu relógio aqui! Então o que significa renunciar à suas posses? Isso significa que todos teremos que começar a viver com São Francisco? Dar todos os nossos bens aos pobres? Talvez para algumas pessoas é isso que significa e nós nos beneficiamos do grande exemplo de pobreza que eles dão. Mas eu não acho que esse seja o significado para todos. Nós não somos todos destinados à sermos eremitas, medigos, sannyasis. O que acho que isso realmente significa é que devemos nos tornar não possessivos no mais profundo do nosso ser. Temos que tentar parar de possuir pessoas ou possuir as coisas que nos acontecem para tê-las disponíveis conosco a qualquer momento particular. Temos que reconhecer que mesmo aquilo que nós pensamos que possuímos, apenas administramos por um curto tempo. Se nós podemos praticar esse caminho de deixar nossas posses, então a forma com a qual usamos as coisas que temos, nosso dinheiro, cartões de créditos, nossas casas, será diferente.

Ser não-possessivo quer dizer praticar e viver o desapego. Isso significa que se você vem até mim e diz “Eu perdi o meu relógio e eu realmente preciso de um, posso pegar o seu?” eu deveria ser capaz de dizer “Claro, aqui está”, para praticar o desapego. A única forma na qual podemos praticar o desapego enquanto vivemos no mundo é voltar para a raiz do problema de nossa possessividade, o ego. Se pudermos deixar de lado nosso ego, deixar atrás de si, como diz Jesus, então temos que abandonar todas as nossas posses. Se podemos deixar a nós mesmos para trás, então nós temos que renunciar toda nossa possessividade e todas as nossas coisas se tornarão coisas que nós podemos compartilhar com os outros. Isso é algo que nós vivemos nas nossas relações pessoais, mas é também uma verdade que nos leva para a natureza da sociedade.

Um terceiro ensinamento essencial de Jesus é, na vedade ele diz que nisso se resume toda a Lei, “Amar o Senhor teu Deus com toda a sua mente, de todo o seu coração e com toda sua força, e ao teu próximo com a ti mesmo”. Amar a Deus e amar uns aos outros são igualmente importante e inseparável no ensinamento de Jesus. O que isso significa? Nós não podemos amar a Deus, que não vemos, a menos que amemos a pessoa próxima à nós, que podemos ver. E o que quer dizer amar ao próximo? Eu penso que isso significa que se você presta atenção à pessoa sentada ao seu lado, à pessoa com a qual nos encontramos como desconhecidos, ou à pessoa que tem estado em nossas vidas por muitos anos, àquelas com as quais você pode ter dificuldades, que podem ter nos machucado, àquelas que pode ter nos assustado, aquela pessoa de quem nos suspeitamos, se nós podemos prestar atenção à essas pessoas, essas pessoas se tornarão nossos próximos, no rico sentido da palavra no Evangelho: “Quem é meu próximo?” . E isso também quer dizer que se nós estamos prestando atenção à eles, nós estamos amando à eles.

Excerpts of talk at Retreat,
John Main Seminar 2002, Montreal, Canada

Tradução livre deste blog.

Um comentário sobre “Meditation Talks Serie A 2005 – “Libertação do Ego”

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s