Máximo, O Confessor – Orar sem cessar

“Como pode o espírito orar sem interrupção? Salmodiando, lendo, conversando, ocupando-nos com os ofícios, nós o desviamos em inúmeros pensamentos e considerações. O ancião respondeu: a Divina Escritura não prescreve nada de impossível. Também o Apóstolo salmodiava, lia e servia e, no entanto, orava sem interrupção. A oração ininterrupta é manter o espírito concentrado em Deus, numa grande reverência e num grande amor; imobilizá-lo na esperança de Deus, contar com Deus em todas as nossas ações e em tudo o que nos acontece. O Apóstolo, porque a isso tudo se dispunha, orava sem descanso (Livro Ascético nn 24 e 25, P.G. t. 90 c. 929 bd) “

Máximo, O Confessor.
A Pequena Filocalia – O Livro Clássico da Igreja Oriental 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s