Nada é óbvio quando se ama

Onde tudo é óbvio, nada parece digno de atenção a não ser nós mesmos. Então, nos tornando nossa maior distração, nossa atenção não repousa mais sobre coisa alguma. Amar se torna uma idéia abstrata à serviço da reflexão e a vida mera ocasião para nossas voluntariosas bravatas. Tirar a atenção de sobre nós mesmos é a grande arte da vida, é o que transforma um paradoxo em paradigma, e por isso é a arte de aceitar, de silenciar diante do óbvio que se refaz mistério. Como sempre foi. Como sempre será. É a arte de amar.

Talvez por isso seja tão difícil amar de verdade, sem afetações românticas ou narcisistas, porque com a atenção sobre nós mesmo, todo mistério é óbvio. Quando contrário, todo óbvio é um maravilhoso mistério.

Novas faixas em “The Hunger for Depth and Meaning”

The Hunger for Depth and Meaning – 02 Growing in Love
The Hunger for Depth and Meaning – 03 The Way Of Silence

John Main, fundador da Comunidade Mundial Para Meditação Cristã, uma familia espiritual ligada pela prática diária da meditação, apresenta em “The Hunger for Depth and Meaning” , de forma clara e compreensiva, as linhas gerais o ensinamento da prece na visão Cristã por esse mestre contemporâneo. São 8 faixas que aos poucos serão adicionadas no Canal do YouTube (Caelum In Terram) para posterior legendagem.

FAIXAS DISPONÍVEIS